Educomunicação para enfrentar a desinformação em ano eleitoral

No último dia 14 ocorreu a primeira live do ciclo de debates “Educomunicação, Democracia e Eleições” promovido pela ABPEducom e STF, discussão que contou com a participação de Ismar Soares, Rosane Rosa, Fernando Oliveira Paulo e Felipe Saldanha também dentro das ações sobre o enfrentamento da desinformação, a ABPEducom criou um curso gratuito sobre “Educomunicação em tempo de Eleições” com o objetivo de aprofundar e promover o exercício crítico de aprendizagem da democracia.

Por Gustavo Souza, da redação

No dia 14 de julho, aconteceu a primeira live do ciclo de debates “Educomunicação, Democracia e Eleições” ação promovida pela  Associação Brasileira dos Pesquisadores e Profissionais em Educomunicação (ABPEducom) e o Supremo Tribunal Federal (STF) que teve como tema “Educomunicação, aliada na defesa do Estado Democrático de Direito”.


O debate discutiu o conceito de educomunicação e sua aplicação prática na luta em defesa dos direitos humanos, liberdade de expressão e combate à desinformação foram abordados neste debate guiado pelo presidente da ABPEducom, Ismar Soares, professor da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA/USP), a professora Rosane Rosa, da Universidade Federal de Santa Maria no Rio Grande do Sul, o professor Fernando Oliveira Paulino, coordenador do Laboratório de Políticas de Comunicação da Universidade de Brasília (LaPCom/UnB) e presidente da Federação Brasileira das Associações Científicas e Acadêmicas de Comunicação (Socicom) e como mediador o professor Felipe Saldanha, pesquisador do Núcleo de Comunicação e Educação (NCE/USP) e diretor de Comunicação da ABPEducom.

O professor Ismar Soares trouxe, em sua fala, um pouco da história da educomunicação, desde os primeiros debates surgidos na América Latina ainda nas décadas de 40 e 50, demonstrando como a educomunicação se expandiu e se popularizou pelo Brasil.

Rosane Rosa destacou a importância da educomunicação como “antídoto contra a desinformação”. Para a professora, a regulamentação e responsabilidade das plataformas digitais é de extrema importância, pois as redes são uma das principais formas de disseminar – e combater – as fake news.

Em resposta a um questionamento do mediador Felipe Saldanha sobre como a ciência da comunicação pode atuar em favor da democracia, Fernando Oliveira lembrou que a comunicação é responsável  pela  divulgação desses conhecimentos na sociedade, sendo fonte e difusor de conteúdos, além de produtores da disseminação de políticas públicas. Ele sugeriu que o programa de combate à desinformação do STF ampliasse ações com instituições de educação dos ensinos fundamental e médio, desenvolvendo ainda mais a ação que já vem sendo feita em todo o país, para fortalecer o diálogo e a prevenção da desinformação e também a democracia.

Assista o debate completo aqui:

Dentro das ações sobre o enfrentamento da desinformação nesse ano eleitoral, a ABPEducom oferece também um curso gratuito sobre “Educomunicação em tempo de Eleições”. A proposta tem como objetivo aprofundar os debates em torno do assunto e promover o exercício crítico de aprendizagem da democracia em espaços de educação formal e informal.

O curso será online e terá 20h de duração, incluindo atividades síncronas e assíncronas. Todos que concluírem o curso com aproveitamento satisfatório receberão certificado por sua participação.

Educar para a transformação em tempos eleitorais, Educomunicação, Mobilização social, Ativismo pela democracia e Educar para a Comunicação em tempo de Eleições são alguns temas que serão abordados no curso que já teve sua primeira aula que foi como uma chamada aberta discutindo a Educomunicação como aliada na defesa do Estado Democrático de Direito, porém para a participação nos próximos, será necessário fazer  inscrição pois serão aulas fechadas!

Confira o Cronograma do curso

  • 14 a 30 de julho: Pré-inscrições (formulário online)
  • 31 de julho a 3 de agosto: Período de análise e seleção, caso o número de inscritos ultrapasse a capacidade de atendimento do Núcleo Regional (30 inscrições). Divulgação dos nomes selecionados.
  • 4 a 10 de agosto: Abertura do curso na plataforma online Google Classroom (atividades assíncronas).
  • 11 de agosto: 1º Encontro (atividade síncrona): segundo encontro do Ciclo de lives da ABPEducom (19h às 20h30). Avaliação do encontro (atividade assíncrona – 30 min).
  • 18 de agosto: 2º Encontro (atividade síncrona): 19h às 21h (Google Meet)
  • 25 de agosto: 3º Encontro (atividade síncrona): 19h às 21h (Google Meet)
  • 8 de setembro: 4º Encontro (atividade síncrona): terceiro encontro do Ciclo de lives da ABPEducom (19h às 20h30). Avaliação do encontro (atividade assíncrona – 30 min).
  • 15 de setembro: 5º Encontro (atividade síncrona): 19h às 21h (Google Meet)
  • 21 de setembro: 6º Encontro (atividade síncrona): 19h às 21h (Google Meet)
  • 22 a 29 de setembro: Postagem do trabalho final.

Saiba mais sobre o curso aqui.


Ver +

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *